Escandinávia recebe seus primeiros ônibus públicos autônomos

Imagem: Kolumbus

A empresa de transporte coletivo Kolumbus em Stavanger, no sudoeste da Noruega, acaba de ganhar o direito de administrar um serviço de ônibus autônomo em algumas das vias públicas da cidade. A licença é a primeira concedida na Escandinávia, de acordo com a empresa.

A licença emitida pelo Ministério Norueguês de Transportes e Comunicações vem com restrições porque a atual legislação norueguesa não permite veículos completamente sem motorista em vias públicas. Como resultado, um funcionário da Kolumbus sempre deve estar presente no barramento, para substituir manualmente os controles autônomos por um botão de freio, caso ocorra uma situação perigosa.

O ministério também estabeleceu uma velocidade máxima de 12kph ou 7,5mph para o ônibus, bem como um máximo de seis passageiros a bordo a qualquer momento.

Essas restrições podem representar uma limitação significativa para a empresa de ônibus, que optou por operar a rota usando o ônibus EasyMile EZ10 sem motorista , com capacidade para até 15 pessoas e velocidade máxima de 45 km / h ou 28 km / h.

A Kolumbus espera que o ônibus autônomo facilite o uso do transporte coletivo por mais pessoas para ir e voltar do trabalho.

O plano é administrar o ônibus autônomo como um serviço de transporte entre as paradas de ônibus existentes para linhas de ônibus comuns e prédios de escritórios na área de Forus, fora de Stavanger.

Fonte: zdnet